Amor Verdadeiro


Loucura toda esta história do sequestro de Santo André...
Mas não venho nesse post criticar a polícia, o sequestrador, o desfecho...
Nem pretendo me lamuriar pelas vítimas, a tragédia em si...não...!
Totalmente louca a atitude de Nayara Silva de voltar ao apartamento onde Eloá seguia presa pelo namorado e de onde ela havia conseguido sair, para alívio de seus familiares... louca, mas sublimemente fiel a sua amiga...como pouquíssimas pessoas seriam capazes de ser!

A palavra diz "Nisto conhecemos o amor: que Cristo deu a sua vida por nós; e nós devemos dar a vida pelos irmãos."

Quem hoje estaria disposto a dar a vida por quem quer que seja?? Mais certo ouvir de um pai ou uma mãe que seria capaz de doar-se pelo filho em qualquer situação que fosse...
Mas arriscar a própria vida por um amigo é raro... é sinal de loucura, de irresponsabilidade, de incompetência dos órgãos que permitiram... ok, a lei dos homens diz isso...

Mas a palavra é clara: NÓS DEVEMOS DAR A VIDA PELOS IRMÃOS!!!

Será que qualquer um de nós seria capaz? Aí está... pois sabemos do amor de Jesus pelo sacrifício que Ele fez por nós...
E a palavra é simples, mas muito clara: NISTO CONHECEMOS O AMOR.

2 comentários:

{ Veri } at: 19 de outubro de 2008 19:56 disse...

É, essa atitude de doar-se, entregar a vida por um irmão, deveria ser natural, normal para nós...mas com certeza é algo que exige muito, é um "negar-se a si mesmo" super radical, o que não estamos, muitas vezes, dispostos a fazermos. Mas foi o que nosso Salvador Jesus Cristo fez...

"Mas ele foi ferido pelas nossas transgressões, e moído pelas nossas iniqüidades: o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados."

Não só foi ferido e sofreu humilhações, mas morreu, mesmo sendo Santo e irrepreensível. Morreu por amor a nós e não há maios expressão de amor que essa, com certeza!!

Se somos filhos de Deus e Ele nos quer semelhantes a Jesus, é porque podemos o ser. Para isso, temos que estar dispostos a morrer por nossos irmãos e, principalmente, por Jesus e a Palvra Santa de Deus.

Peço a Deus que nos transforme conforme o coração dEle, que nos torne semelhantes a Cristo, para que assim, um dia, possamos ver, na íntegra, o resplendor da Glória de Deus.

Que o amor possa ser expressado por nós, não só por atitudes extremas de morte, mas em cada momento, em cada oportunidade que temos ao longo da vida de fazermos a diferença, para a edificação da Igreja, dos membros do corpo de Jesus.

Deus abençoe a todos, em nome de Jesus, amém!

Márcia Paglioza at: 22 de outubro de 2008 08:22 disse...

Olha só..amar quem nos ama, que recompensa temos? assim diz a palavra de Deus. Devemos, sim amar aqueles amigos e até mesmo aqueles que nos perseguem. Esse amor é loucura para os homens, mas para Deus não é, pois Ele nos amou, nós ainda sendo pecadores e de costas a Ele. Essas histórias são loucuras para todos. Mas o verdadeiro amor não escolhe a quem ser amado.
Por isso posso te dizer minha MDA, ame, mas ame muito a TODOS, Deus te recompensará, com certeza.
Te amo filha

Bjos